Reserva Nacional de Marromeu

A Reserva Nacional de Marromeu, foi criada pelo Diploma Legislativo n.º 1982 de 8 de Junho de 1960, com a finalidade de proteger uma das maiores populações de búfalos do mundo. Ocupa uma área de 1.560 km2 localizada no distrito de Marromeu, província de Sofala. Esta circunda-se pelas Coutadas Oficias n.º 10, 11, 12 e 14, daí que a região é normalmente designada por complexo de Marromeu. A Reserva Marromeu protege a maior população de Búfalos, sendo a área húmida do país ao logo delta do rio Zambeze.

Reserva Nacional do Niassa

Criada em 1954 com o objectivo de proteger a vida selvagem, principalmente os  elefantes que residem dentro das suas fronteiras. Está localizada em Niassa, cobre aproximadamente 42.000 km² e representa não apenas uma das mais remotas, mais também a maior área de conservação do País. A Reserva compreende cerca de 1/3 da Província do Niassa e uma parte da Província de Cabo Delgado, cobrindo oito distritos, incluindo a totalidade do Distrito de Mecula e uma grande parte do Distrito de Mavago. Possui uma rica fauna, composta essencialmente por elefante, boi-cavalo, leão, zebra, búfalo, porco do mato elande imbabala, pala- pala, chango, facocero, inhacosso, cudo cabritos, gondonda, impala, répteis, hipopótamo, hiena malhada, crocodilos, aves, peixes etc.


 

Parque Nacional do Bazaruto

O Parque Nacional do Bazaruto (PNB), um dos maiores espaços de protecção marinha em Moçambique, localiza-se na província de Inhambane, na costa dos Distritos de Vilanculos e Inhassoro. O parque  em funcionamento desde 1971, foi proclamado para proteger dugongos, tartarugas marinhas e seus habitats. incluindo a vegetação das ilhas, os recifes de corais, as aves aquáticas e toda a fauna do parque.

Newsletter

Assine a newsletter do Visitmozambique e receba as principais notícias sobre Turismo por e-mail.